Através do MEF tive a oportunidade de presenciar parte das vindimas das terras da Casa Agrícola Horácio Simões. Foi uma oportunidade interessante para conhecer parte do processo da criação de vinho.

A Casa Agrícola Horácio Simões é uma exploração familiar que conta com a participação de três gerações da família Simões, O Sr. Horácio Santos Simões, o seu filho o Sr. Horácio Reis Simões (actual proprietário) e os seus netos o Sr. Luís Simões (enólogo) e o Sr. Pedro Simões (gerente). Estas três gerações trazem consigo não só a tradição e receitas familiares mas um modernismo respeitoso dessa tradição. A preocupação com este equilíbrio está presente no dia-a-dia tal como no planeamento do futuro.

Fomos recebidos de forma fantástica por todos sem excepção. O Sr. António, D. Maria Aurora, D. Anabela e restantes pessoas da vindima, o Sr. Sebastião e companheiros da Adega e a família Simões receberam o grupo de forma irrepreensível.  A todos deixo os meus sinceros agradecimentos, em particular ao Sr. Pedro Simões que, num fim-de-semana bem atarefado e cheio de atribulações, despendeu tempo para nos receber e levar num passeio pela história da casa.

Neste fim-de-semana a meio de Setembro a vinha nova era o que necessitava de atenção por parte do grupo destinado à vindima. Este grupo, encabeçado pelo Sr. António, já é habitual nos terrenos da Horácio Simões. É interessante verificar que o respeito e admiração entre o grupo e a Horácio Simões é mútuo, genuíno e desinibido.

Embora a vindima seja uma actividade fisicamente desgastante, a alegria e energia com que o grupo a realizava era contagiante. Quando combinadas com uma saudável dose de boa disposição criam uma receita de positivismo e produtividade quase imbatíveis.

Depois da apanha a uva é transportada para a adega, onde outro grupo a aguarda para dar continuidade ao trabalho. A chegada da uva à adega é um momento de grande azafama. Este marca o momento para o qual se prepararam, em que se inicia o processo que demorará meses e terminará nas mesas e garrafeiras pelo país fora.

Na adega o grupo de trabalho, embora mais pequeno, partilha da paixão dos demais pela vindima, pelo processo e pelo vinho. Nota-se que esta altura do ano é excitante para quem trabalha na criação do vinho. Afinal é o momento para o qual se trabalhou quase o ano inteiro.

O vinho é mais sensível do que parece à primeira vista. É difícil manter o equilíbrio e levar a colheita para a frente. Mas as pessoas na Casa Agrícola Horácio Simões fazem-no com determinação sem abandonar um carinho tremendo pelo resultado final. É assim a vindima nesta exploração, onde se está no seio de um ambiente familiar rodeado de pessoas que partilham da mesma paixão.


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC




Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC


Voigtlander Bessa R3a | Voigtlander Color Skopar 21mm f4 | Kodak Tri-x 400
21mm | ISO 400
Pyrocat HD 1+1+100 | 2 inversões a cada 4 minutos | 14 minutos a 20ºC

Copyright © Rui Pedro Esteves 2015 Direitos Reservados

0 Comentários: