Na Carrasqueira é engraçado ver a movimentação de visitantes. Para além dos pescadores, que usam o porto para aquilo que ele existe efectivamente, o porto recebe muitos mais visitantes, pelo menos nos dias que lá tenho estado.

As famílias, namorados e casais vão visitando durante a tarde, aproveitam o sitio, mas assim que a hora de jantar se aproxima, vão desaparecendo até que não sobra algum. Quando a hora dourada se aproxima, aparece a malta do tripé às costas, a malta do por-do-sol.

Nesta altura do anos, estes grupos praticamente não se cruzam, mas no Inverno / fim do Outono, é engraçado escutar os comentários de uns e outros quando se cruzam, quase como se de um render da guarda se tratasse.

Canon A-1 | Canon 50mm f1.4 | Efke 25
50mm | ISO 25

Copyright © Rui Pedro Esteves 2015 Direitos Reservados

0 Comentários: