O Porto dispensa apresentações. É longe de ser uma cidade desconhecida, seja cá dentro ou lá fora.

Há muito que lá não ia e fiquei positivamente surpreendido com o que encontrei, mas sobre isso já falamos.

O Porto é uma cidade de cor (curiosamente não vamos ver disso aqui pois o preto e branco não me sai da cabeça), contrastes e cultura. É difícil não ficar encantando com a zona ribeirinha e os seus prédio irregulares e coloridos. Mais difícil ainda é ficar indiferente à música na rua, exposições de várias formas e feitios, aos estilos pessoais alternativos e acima de tudo ao carisma da cidade.

Os contrastes são muitos e firmados. O novo e o velho, o clássico e o moderno, o amplo e o claustrofóbico, o renovado e o abandonado. para qualquer lado que se olhe há algo de interessante e diferente para observar.

E claro, a fala. Para além de curioso é libertador falar português daquela forma, sem preconceitos ou forçadas maneiras.

Yashica Electro 35 GS | Color-Yashinon DX 45mm f1.7 | Kodak Tri-x 400
45mm | ISO 400




Yashica Electro 35 GS | Color-Yashinon DX 45mm f1.7 | Kodak Tri-x 400
45mm | ISO 400


Yashica Electro 35 GS | Color-Yashinon DX 45mm f1.7 | Kodak Tri-x 400
45mm | ISO 400


Yashica Electro 35 GS | Color-Yashinon DX 45mm f1.7 | Kodak Tri-x 400
45mm | ISO 400


Yashica Electro 35 GS | Color-Yashinon DX 45mm f1.7 | Kodak Tri-x 400
45mm | ISO 400

Copyright © Rui Pedro Esteves 2014 Direitos Reservados

0 Comentários: