Encontrar um pinhal na Serra do Açor é quase um milagre. Os antigos dizem que no tempo em que os telefones tinham um só digito, que o pinheiro era das árvores mais comuns nestas terras. Aparentemente após a chegada da Portucel que o cultivo do eucalipto dominou por completo as vastas encostas da serra.

Associado a isto vieram os incêndios, que Verão após Verão dizimam esta região.

Hoje é mais difícil encontrar dois pinheiros juntos na Serra do Açor do que um elemento competente no governo de Passos Coelho.

Mas o pinhal existe e merece ser visto, percorrido e experimentado.

A Floresta Negra é um sitio místico e os pinhais de Portugal para lá caminham.

Canon 1100D | Tokina 12-24mm f4
12mm | ISO 100 | f8 | 1/80

Copyright © Rui Pedro Esteves 2014 Direitos Reservados

0 Comentários: